Notícias e Atividades

Miolo Wine Group

A história da Família Miolo no Brasil começa em 1897, quando Giuseppe Miolo chegou ao país vindo da Itália. Ao chegar, o imigrante foi para Bento Gonçalves e trocou suas economias por um pedaço de terra no Vale dos Vinhedos, especificamente chamado Lote 43. Naquele mesmo ano, começou a plantar uvas dando início à tradição vitícola da família no Brasil. Na década de 70, a Família Miolo Foi pioneira no plantio de uvas finas, fazendo com que os netos de Giuseppe Miolo, Darcy, Antônio e Paulo ficassem conhecidos na região pela qualidade de suas uvas.

Em 1989, a família começa a produzir o seu próprio vinho para venda a granel, era o início da Vinícola Miolo. Alguns anos depois, em 1994, a empresa evolui para mais uma fase, engarrafando o vinho com a marca da família.

O crescimento foi muito rápido, tão rápido que em 1998 a empresa deu início ao Projeto Qualidade, com a intenção de obter um crescimento sustentável, com investimentos constantes na terra, em tecnologia, em recursos humanos e no consumidor.

A Miolo segue uma filosofia de elaboração racional do vinho, para preservar as características de cada variedade de uva. É assim que expressa a tipicidade dos terroirs onde está presente, preservando as características de cada região.

Dentro da visão da empresa, as alianças estratégicas são fundamentais para a inserção da empresa no mercado mundial, visando a expansão da sua atuação comercial.

Neste caminho a Miolo vem formando alianças com empresas conceituadas no meio vitivinícola mundial, associando sua marca ao que existe de melhor em vinhos do mundo.

Hoje, a Miolo Wine Group apresenta nove unidades de negócios: Vinícola Miolo, Fortaleza do Seival Vineyards, Vinícola Almadén, Vinícola Ouro Verde, RAR, Lovara, entre elas, três internacionais; Costa Pacífico (Chile), Los Nevados (Argentina) e Osborne (Espanha).

no dia 29 de janeiro de 2010, em Santana do Livramento, RS, o Prof.Marins teve o prazer de discutir com os dirigentes e representantes do Miolo Wine Group os desafios empresariais e como enfrentá-los.

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais