Artigos do Professor Marins e textos discutidos nos Programas de TV

AJUDE A ENFRENTAR ESTA CRISE

AJUDE A ENFRENTAR ESTA CRISE

 

Luiz Marins

 

Nestes tempos de pandemia, pense como você colaboradora ou colaborador, em qualquer posição que esteja na hierarquia—direção, gerência, supervisão ou operação—pode ajudar, ativamente, sua empresa ou organização onde trabalha a enfrentar e vencer esta crise.

Por favor não se exclua da responsabilidade de ajudar, de dar ideias, de propor soluções e saídas para estes tempos de dificuldades.

Por mais que você se ache incapaz de ajudar, pense, desafie sua criatividade, ponha sua cabeça para pensar o que mais poderia ser feito para conquistar mais clientes e manter os que ainda restaram. Pense em coisas simples, factíveis, de baixo custo, que poderiam fazer alguma diferença de valor para o mercado.

A grande maioria das empresas e organizações está sofrendo muito e toda ideia conta; toda ajuda é bem-vinda; toda disponibilidade é necessária nestes tempos.

Agora é hora de desenvolver e transformar em ações, toda a nossa empatia. Lembre que a palavra empatia vem do grego que significa sentir dentro de você o sofrimento alheio, a dor alheia. Agora não é hora de reivindicar privilégios, de exigir benefícios, de pensar somente em si mesmo ou em si mesma.

Agora é hora de lutar para manter nossas empresas e organizações vivas para que possamos também manter vivos nossos empregos. Agora é hora de acabar com as fofocas, com as pequenas desavenças, com críticas maldosas, com tudo o que possa dividir. Agora é hora de união, de juntar forças, de esquecer as diferenças.

Agora é hora de mostrar que você é alguém com quem se pode contar nas horas difíceis. Agora é hora de você mostrar qual camisa você veste. Agora é hora de fazer a diferença, sem bajulações e puxa-saquismos, mas se mostrando disponível, uma pessoa pronta e alerta para sua empresa ou organização.

Agora é hora de fazer parte da solução e não ser mais um problema a ser resolvido. É hora de mostrar seus valores éticos e morais e garantir seu futuro como uma pessoa de princípios elevados.

Agora é hoje de ajudar, de estender a mão, de colaborar.

Pense seriamente em como você pode ajudar. Não terceirize essa responsabilidade. Não se exclua. Não dê desculpas. Aja!

Pense nisso. Sucesso!

 

 

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais