Artigos do Prof. Marins e textos dos programas de TV

QUEM TEM MEDO DE 2020?

QUEM TEM MEDO DE 2020?

 

Luiz Marins

 

Nós, brasileiros, gostamos de nos comparar com a Europa, os Estados Unidos e Japão.

Os investidores internacionais, entretanto, nos comparam com a Indonésia, Tailândia, Filipinas, Vietname, Índia, Paquistão, Malásia, Argentina, México, Turquia, países africanos, do Sudeste Asiático e Oriente Médio.

E as vantagens comparativas do Brasil são enormes frente a esses nossos maiores competidores, é o que nos afirmam os investidores internacionais.

 

Vão ter medo de 2020 aquelas pessoas que ainda não entenderam que o mundo mudou, que o Brasil mudou, que o mercado mudou, que as pessoas mudaram e, portanto, o cliente mudou.

Vão ter medo aquelas que ainda acreditam que seja possível voltar ao passado e que insistirem em continuar dirigindo sua empresa e sua vida olhando pelo retrovisor.

Vão ter medo aquelas pessoas que não entenderam que agora é um novo tempo e que as palavras agora são ética, compliance, honestidade, verdade, lealdade, qualidade e valores elevados.

Vão ter medo aquelas que insistirem em ganhar vantagens ilícitas por meio da corrupção ou ainda as que desejarem obter privilégios em função de suas posições ou cargos públicos.

Vão ter medo aquelas pessoas que vivem dos favores das autoridades e de políticos e que acreditam que o trabalho decente é para os bobos e pouco espertos.

Vão ter medo aquelas que não acreditarem que as vantagens comparativas do Brasil são sólidas e robustas quando comparadas com nossos maiores competidores mundiais na atração de investimentos.

Vão ter medo aquelas pessoas que não se renovarem, não estudarem, não se aperfeiçoarem e que pensarem ser possível continuar enganando, mentindo, subornando.

Vão ter medo as pessoas que não acreditarem na força das redes sociais e que ainda pensam poder enganar as pessoas, os clientes e que não entenderam que o povo acordou.

Enfim, vão ter medo aquelas que continuarem a torcer contra o Brasil e que não entenderem que o tempo das ideologias baratas, dos discursos vazios, das promessas vãs, das notícias falsas, da enganação e do favorecimento aos incompetentes está com seus dias contados.

Essas terão medo e continuarão chorando e vivendo da nostalgia de um passado que se foi.

Não tenha medo de 2020!

Acredite e pise fundo!

Pense nisso. Sucesso!

 

Enviar para DiggEnviar para FacebookEnviar para Google PlusEnviar para TwitterEnviar para LinkedIn

Informações Adicionais